Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Brasil recebe novo aceno dos Estados Unidos para entrada na OCDE

Brasil recebe novo aceno dos Estados Unidos para entrada na OCDE

A embaixada dos Estados Unidos em Brasília informou na terça-feira (14) que o país considera como prioridade a entrada do Brasil na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Washington vai defender que o Brasil ocupe o lugar da Argentina na fila de postulantes para começar o processo de adesão ao chamado clube dos países ricos.

“O governo brasileiro está trabalhando para alinhar as suas políticas econômicas aos padrões da OCDE enquanto prioriza a adesão à organização para reforçar as suas reformas políticas”, destacou a embaixada americana.

Se a OCDE der o aval, o governo brasileiro vai precisar cumprir uma série de requisitos para confirmar a entrada, como melhorar as regulações e tornar a economia mais aberta, previsível e transparente.

Por que é importante
O novo aceno dos Estados Unidos reforça o alinhamento entre os presidentes Donald Trump e Jair Bolsonaro
Quem ganha
A melhora do ambiente de negócios, que será essencial para o país fazer parte da OCDE
Quem perde
Os críticos do governo, principalmente da atuação do Itamaraty