Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

Boletim da Pandemia 22: nova variante do vírus no Brasil, vacina sabotada e Saúde admite fracasso

O laboratório de diagnóstico Dasa confirmou nesta quinta-feira (31) a identificação de dois casos em São Paulo de uma nova variante do coronavírus. A cepa B.1.1.7 é a mesma detectada pela primeira vez no Reino Unido e considerada 56% mais contagiosa. Os pesquisadores, no entanto, ainda não sabem se ela seria mais mortal ou mais resistente às vacinas.

Sabotagem

Um funcionário do Aurora Medical Center, no estado de Wisconsin, nos Estados Unidos, foi demitido após deixar 57 frascos da vacina da Moderna fora da refrigeração. O indivíduo admitiu ter agido intencionalmente. As doses do imunizante tiveram de ser descartadas.

Sem agulhas e seringas

Em resposta ao jornal O Globo, o Ministério da Saúde admitiu o fracasso no primeiro pregão eletrônico realizado para a compra de seringas e agulhas para a vacinação. A pasta garantiu menos de 3% dos insumos previstos para uma campanha de imunização no país. “O resultado não é final e sim da primeira parte, por isso terão novos certames, outros pregões, como previsto em Lei. Os itens 1, 2, e 3 restaram fracassados porque os lances ofertados pelos licitantes ficaram superiores ao preço estimado pelo Ministério da Saúde e mesmo com tentativas de negociação não foi possível chegar ao valor estabelecido, bem como alguns licitantes não apresentaram os documentos de qualificação técnica exigidos no item 8 do Termo de Referência do certame e consequentemente tiveram suas propostas canceladas”, diz a nota enviada pelo ministério.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.