PATROCINADORES

“Aliança não disputa em 2020 sem assinatura eletrônica”, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (21) que espera da Justiça Eleitoral a liberação da coleta de assinaturas por meio eletrônico para a criação de seu novo partido, o Aliança pelo Brasil. Para ele, apenas desta forma será possível registrar a nova legenda até março de 2020. Sem o voto eletrônico, Bolsonaro estima que a coleta das 500 mil assinaturas só será concluída no final do ano que vem. Ainda existe a dúvida se o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) permitirá ou não essa forma de coleta.

“Se for possível a assinatura eletrônica, a gente forma o partido para março. Se não for possível, não vou entrar em eleições municipais ano que vem, estou fora”, afirmou o presidente, que disse também que “nenhum ministro vai entrar no partido”, para evitar a interpretação equivocada de estar usando a máquina pública para a criação do partido.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.