PATROCINADORES

Coronavírus vai afetar mais setor aéreo do que ataques de 11 de setembro

O coronavírus será mais devastador para o tráfego aéreo global do que os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001. Segundo o Goldman Sachs, o movimento de passageiros deverá cair 7% neste ano, acima da queda de 3% observada logo após a tragédia das Torres Gêmeas. Nas duas últimas semanas, as ações negociadas em bolsa das aéreas desabaram cerca de 30% nos Estados Unidos. No Brasil, a turbulência provocada pela pandemia também afetará os resultados de empresas como Gol, Latam e Azul.  

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.