PATROCINADORES

Boa safra de balanços reforça confiança na retomada econômica

A temporada de balanços revela que há algo de muito positivo na economia brasileira. Em 2019, a Petrobras lucrou R$ 40,1 bilhões – é o maior valor nominal (sem considerar a correção pela inflação) da história das empresas de capital aberto do Brasil. No mesmo ramo de negócios, a companhia privada PetroRio aumentou em 94% suas receitas líquidas no ano passado. A WEG, gigante de motores elétricos que se tornou a nova queridinha dos investidores da Bolsa de Valores, apresentou no quarto trimestre lucro líquido de R$ 500,5 milhões, alta de 49% na comparação anual e muito acima das previsões dos analistas. Uma das maiores produtoras de carne bovina do mundo, a Marfrig reportou nesta semana o seu primeiro resultado depois da saída da BNDES do capital da companhia. No quarto trimestre de 2019, lucrou R$ 27 milhões. É pouco diante de seu porte, mas representa uma virada espetacular em relação à performance de um ano antes, quando teve prejuízo de R$ 1,3 bilhão. Os bancos também não têm do que reclamar. No ano passado, a Caixa lucrou R$ 21,1 bilhões, uma disparada de 103% na comparação com o ano anterior.

Por que é importante

Os balanços positivos traduzem o melhor ambiente de negócios do país. Empresas lucrativas aumentam a remuneração de seus acionistas, realizam investimentos e geram empregos

Quem ganha

A agenda liberal do ministro da Economia, Paulo Guedes

Quem perde

A oposição ao governo Bolsonaro

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.