PATROCINADORES

Soldado turco morre durante operação militar no noroeste da Síria

Por Daren Butler e Orhan Coskun

ISTAMBUL (Reuters) – Um soldado turco foi morto durante ataque de mísseis e morteiros de militantes no noroeste da Síria enquanto forças turcas tomavam posição no principal reduto remanescente dos combatentes de oposição ao presidente sírio, Bashar al-Assad, informaram os militares da Turquia, nesta terça-feira.

Esse foi o segundo ataque em uma semana contra soldados turcos que tentam estabelecer uma posição perto da linha de frente entre os rebeldes e as forças pró-governo da Síria, sob um acordo com a Rússia e o Irã que tem como objetivo reduzir os combates na região.

O acordo praticamente ruiu em dezembro, quando o Exército sírio, ao lado de milícias apoiadas pelo Irã e com apoio aéreo russo, lançou uma grande ofensiva para recuperar território na província de Idlib e em áreas ao redor.

A Turquia disse que cinco soldados também ficaram feridos no ataque da noite de segunda-feira, e que as forças turcas responderam com disparos. As Forças Armadas não especificaram quem eram os militantes por trás do ataque. Um membro civil do contingente turco também ficou ferido, disseram.

A Turquia, que vinha apoiando os combatentes rebeldes que tentam derrubar Assad, passou a trabalhar nos últimos meses com o Irã e a Rússia, principais aliados internacionais do presidente sírio, na tentativa de reduzir a violência da guerra civil de quase 7 anos na Síria.

Entretanto, os três países continuam envolvidos profundamente nos confrontos e divisões profundas permanecem.

(Reportagem adicional de Tom Perry em Beirute)

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − 4 =

Pergunte para a

Mônica.