Document
PATROCINADORES

Liga pede que Italianos apoiem acordo de coalizão com 5 Estrelas

Por Giulia Segreti

MILÃO (Reuters) – A Liga, de extrema-direita, deu aos italianos uma chance de abençoar o programa que elaborou com o Movimento 5 Estrelas em uma votação informal enquanto os dois grupos tentam decidir um candidato para liderar o planejado governo de coalizão.

O “contrato” de governo entre a Liga e o anti-stablishment 5 Estrelas, os dois partidos que venceram o maior número de votos na eleição nacional de 4 de março, foi publicado na sexta-feira após 11 semanas de impasse político na terceira maior economia da zona do euro.

O documento pede por bilhões de euros em redução de impostos, aumento de pagamentos de bem-estar social para os mais pobres, e o abandono de uma impopular reforma da Previdência.

Ele é visto pelos dois partidos como a base para governar o mandato legislativo de cinco anos, mas obteve uma fria recepção do mercado e de políticos na Europa.

Ao contrário de uma votação online na sexta-feira feita por apoiadores do 5 Estrelas, a Liga montou mil estandes em todo o país durante o final de semana, com cédulas de papel listando os 10 pontos principais do contrato.

“Cidadãos apreciam quando políticos lhe dão a possibilidade de expressar sua opinião, especialmente quando as pessoas perderam a paciência e querem resultados”, disse Gianluca Boari, um conselheiro da cidade e voluntário em um dos estandes de Milão.

A votação, no entanto, é vista como simbólica e que não deve perturbar o delicado balanço político entre os partidos que tem sido vistos como aliados improváveis.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.