PATROCINADORES

Forças dos EUA na Coreia do Sul não estão sujeitas a negociações entre Washington e Pyongyang, diz autoridade sul-coreana

Por Hyonhee Shin

SEUL (Reuters) – As Forças Armadas norte-americanas na Coreia do Sul não estão sujeitas às negociações entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos porque são parte da aliança entre Washington e Seul, disse uma autoridade graduada do gabinete presidencial sul-coreano, nesta sexta-feira.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse, após cúpula histórica com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong Un, na terça-feira, que iria interromper “caros e provocativos” exercícios militares conjuntos dos EUA com a Coreia do Sul.

Cerca de 28.500 mil soldados norte-americanos estão alocados na Coreia do Sul, uma herança da Guerra da Coreia de 1950 a 1953 que terminou em um armistício, ao invés de um tratado de paz, deixando as duas Coreias tecnicamente ainda em combate.

“Deixe-me ser claro. Não houve nenhuma discussão e nenhuma mudança no posicionamento sobre a questão dos soldados norte-americanos na Coreia do Sul”, disse a autoridade sul-coreana, que falou sob condição de anonimato.

Antes da cúpula de terça-feira, houve conversas entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos sobre completar uma desnuclearização “antecipada” da península coreana, acrescentou, sem dar mais detalhes.

(Reportagem de Hyonhee Shin)

tagreuters.com2018binary_LYNXMPEE5E0MY-VIEWIMAGE

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 3 =

Pergunte para a

Mônica.