PATROCINADORES

O candidato Meirelles já atrapalha o ministro Meirelles

Cada vez fica mais evidente que há dois Meirelles no país. O primeiro é o ministro eficiente que baseou sua política econômica na austeridade e no controle das contas públicas. O segundo é o candidato a candidato presidencial, que flexibiliza o discurso em busca de alguma popularidade. A mais recente contradição de Meirelles diz respeito à chamada “regra de ouro”, que impede o Estado de tomar empréstimos para pagar despesas. Meirelles sempre foi um defensor ferrenho da norma. Agora, admite “flexibilizar as regras” em prol da “governabilidade do país.”

Por que é importante

Meirelles é figura chave para a manutenção dos fundamentos econômicos

Quem ganha

Os candidatos dos extremos. O discurso contraditório de Meirelles dá munição para os rivais

Quem perde

Meirelles. Ao flexibilizar o discurso, o ministro desagrada o mercado e não é certo que conquistará votos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × cinco =

Pergunte para a

Mônica.