Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Confiança de serviços mantém trajetória de recuperação, mostra FGV

Confiança de serviços mantém trajetória de recuperação, mostra FGV

O Índice de Confiança de Serviços (ICS), divulgado nesta sexta-feira (28) pela Fundação Getulio Vargas, avançou 6 pontos em agosto, para 85 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. Foi a quarta alta consecutiva do indicador, que segue 9,4 pontos abaixo do patamar de feveiro (94,4 pontos), pré-pandemia. O resultado no mês foi influenciado tanto pela melhora da percepção com o momento presente quanto das expectativas. O Índice de Situação Atual (ISA-S) subiu 5,8 pontos, para 76,8 pontos. Já o Índice de Expectativas (IE-S) cresceu 6,2 pontos, para 93,5 pontos. Rodolpho Tobler, economista do FGV IBRE, destacou que a confiança de serviços segue a trajetória de recuperação, mas tem se mostrado mais lenta que nos demais setores da economia. “A confiança dos empresários de serviços tem evoluído junto com as medidas de flexibilização, mas alguns segmentos ainda encontram obstáculos e a elevada incerteza dificulta a projeção de um cenário mais otimista no curto prazo”, apontou.

Envie seu comentário

5 × 3 =