PATROCINADORES

Confiança da construção alcança maior patamar em cinco anos

A Fundação Getulio Vargas divulgou nesta terça-feira (26) que o Índice de Confiança da Construção (ICST) cresceu 1,5 ponto em novembro, para 89 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. O resultado acima de 100 pontos indica maior otimismo. A alta no mês foi influenciada tanto pela melhora da situação corrente quanto pelas expectativas do curto prazo. O Índice da Situação Atual (ISA-CST) avançou 2,4 pontos, para 81,3 pontos. Já o Índice de Expectativas (IE-CST) subiu 0,5 ponto, passando para 97 pontos. A FGV destacou ainda que a queda na taxa Selic tem facilitado o acesso ao crédito pelas empresas e contribuído para o movimento de retomada do setor.


Por que é importante

Com o resultado, o indicador atingiu em novembro o maior nível desde setembro de 2014 (89,9 pontos)

Quem ganha

A expectativa de uma expansão maior do setor, que é um dos principais empregadores do país

Quem perde

Apesar do otimismo, o ritmo das contratações ainda está abaixo das expectativas

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.