PATROCINADORES

Raízen faz primeiro IPO de E2G do mundo e movimenta R$ 6,9 bilhões

A Raízen, joint venture entre Shell e Cosan, precificou sua oferta inicial de ações a R$ 7,40 por papel nesta terça-feira (3), movimentando R$ 6,9 bilhões, no maior IPO do ano no Brasil. A venda do lote principal foi de 810.811.000 ações e do lote suplementar de 121.621.650 ações. Isso significa que a Raízen chegará à bolsa avaliada em R$ 74,4 bilhões.

A oferta chama a atenção não só pelo tamanho, mas também por se tratar de uma empresa que vem investindo em energias renováveis e pouco poluentes. Palha e bagaço de cana-de-açúcar, antes resíduos, passam por um processo de hidrólise e dupla fermentação que dá origem ao chamado etanol de segunda geração (E2G), que contém a mesma composição química do etanol comum, de primeira geração (E1G), e, portanto, os mesmos usos.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.