PATROCINADORES

Nº 81: Butantan entrega coronavac à Saúde; 20 milhões de vacinas no Reino Unido; Israel imuniza palestinos

Butantan entrega coronavac ao governo federal

O Instituto Butantan entregou hoje (28), lote com 600 000 doses da vacina Coronavac ap governo federal. Com a entrega, completou-se o lote inicial de 3,753 milhões de doses prometido ao Programa Nacional de Imunizações. Em breve, outros lotes do imunizante serão colados à disposição do Ministério da Saúde, em quantidade ainda não revelada.

STF manda Saúde pagar leitos de UTI

O Supremo Tribunal Federal, através da ministra Rosa Weber, acolheu pedido encaminhado por procuradores do Maranhão e de São Paulo, determinando que o Ministério da Saúde passe a financiar leitos de UTI nos dois estados destinados a pacientes contaminados pelo coronavírus. “Intime-se a ré para imediato cumprimento. Intimem-se, simultaneamente, as partes, para que, no prazo de cinco dias, se manifestem sobre o interesse no encaminhamento dos autos à Câmara de Conciliação e Arbitragem da Administração Federal”, escreveu a juíza.

20 milhões de vacinas no Reino Unido

O ministro da Saúde do Reino Unido, Matt Hancock, afirmou hoje que mais de 20 milhões de pessoas já receberam a primeira dose da vacina contra o coronavírus. “Estou muito contente que mais de 20 milhões de pessoas tenham sido vacinadas no Reino Unido”, declarou Hancock em um vídeo publicado no Twitter. “Agradeço a todos aqueles que compareceram à imunização, pois sabemos com mais ou menos certeza de que a vacina os protege, protege sua comunidade e também é a via de saída para todos”.

Toque de restrição fecha baile com 190 idosos

O governo de São Paulo, colocou a polícia para fiscalizar o toque de restrição, que não permite a circulação de pessoas entre 23 e 5 horas. Acabou flagrando festas clandestinas e restaurantes que estavam funcionando. Os policiais, durante as batidas, toparam com um caso inusitado: na Penha, havia um baile para idosos, com mais de 190 participantes, rolando com música no último volume. O evento foi esvaziado e os convidados mandados para suas casas.

Israel vacinará palestinos que trabalham em seu território ou em colônias

O Governo israelense autorizou neste domingo a vacinação contra o coronavírus de palestinos residentes na Cisjordânia com aval de trabalho em Israel ou nas colônias, informou neste domingo o COGAT, órgão militar israelense que administra a ocupação nos territórios palestinos. De acordo com o comunicado em que foi divulgada a decisão, a campanha começará “nos próximos dias” e será realizada tanto nos centros de vacinação dos postos de controle militares nas entradas da Cisjordânia como nas zonas industriais das colônias judaicas naquele território. Segundo o COGAT, todos os palestinos com autorização para trabalhar em Israel ou nas colônias (cerca de 120 000) receberão a vacina.

Painel Coronavírus

Dados atualizados em 28/02/21 – 19h30

Vacinados

  • 232,2 milhões no mundo * (3,22% da população)
  • 8,1 milhões no Brasil * (3,93% da população)
    * Considerando as duas doses, quando for o caso

Casos confirmados
• 10.551.259 – acumulado
• 34.027 – casos novos
• 9.411.033 – casos recuperados
• 885.284 – em acompanhamento
• 5020,9 – incidência por grupo de 100 mil habitantes

Óbitos confirmados
• 254.942 – óbitos acumulados
• 721 – óbitos novos
• 2,4% – Letalidade
• 121,3 – mortalidade por grupo de 100 mil habitantes

Fontes: Ministério da Saúde, consórcio de veículos de imprensa e Universidade Johns Hopkins (EUA)

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 3 =

Pergunte para a

Mônica.