Document
PATROCINADORES

Nº 348: Europa contra lockdowns; Pfizer em jovens; Rio imuniza 76,7%

UE confinada

Desde meia-noite desta segunda-feira (22), a Áustria entrou oficialmente ao confinamento, medida radical que provocou protestos no final de semana, assim como em países como Bélgica e Holanda, ou em Guadalupe, departamento francês das Antilhas, onde o retorno das restrições contra a covid-19 provoca revolta. Desde a chegada das vacinas e das campanhas de imunização, nenhum país da União Europeia (UE) havia ousado impor um novo confinamento. Em outras partes da Europa, que voltou a ser o epicentro da epidemia, os contágios aumentam.

O que MONEY REPORT publicou hoje:

12 milhões de doses cariocas

A cidade do Rio de Janeiro atingiu a marca de 12 milhões de doses de vacina aplicadas. Foram 5,78 milhões de primeira dose, 5,02 milhões de segunda, 143,5 mil de dose única e 1,05 milhão de doses de reforço. Os dados estão no painel da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Entre a população total da cidade, 76,6% estão totalmente vacinadas e 87,5% receberam ao menos a primeira dose. Considerando a população alvo, acima de 12 anos, o índice é de 89,4% com as duas doses e 99,7% com a primeira.


____________________________________________

Informe Publicitário


____________________________________

.

Sistema hormonal como alvo

Em um artigo da revista científica The Lancet, pesquisadores alemães descobriram evidências que o coronavírus é capaz de afetar diretamente as glândulas adrenais e, consequentemente, o sistema hormonal. Essas glândulas podem ser acometidas em pacientes com covid-19 grave, mas não se sabia se isso era consequência de um ataque direto da infecção ou da sepse, inflamação generalizada provocada pela doença. São justamente as adrenais as principais fontes de glucorticoides, cruciais para o enfrentamento da sepse.

Pfizer eficaz em adolescentes

Os laboratórios Pfizer e BioNTech divulgaram nesta segunda-feira (22) que sua vacina teve 100% de eficácia em jovens de 12 a 15 anos, após quatro meses de ensaio clínico de fase três (em que são comparados os resultados em voluntários que são tratados com o fármaco e em outros que recebem placebo). O imunizante é autorizado para essa faixa etária no Brasil, nos EUA e na Europa.

Fim do confinamento na Nova Zelândia

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, anunciou que o lockdown em vigor há três meses e meio em Auckland será encerrado em 2 de dezembro. Com a decisão, o país adotará uma nova estratégia para combater a pandemia, principalmente o avanço da variante delta.

Tóquio melhora

O governo de Tóquio anunciou seis novos casos de infecção por covid-19 na capital japonesa nesta segunda-feira (22), o menor patamar deste ano. O total representa um a menos que o mesmo dia da semana passada. Autoridades do governo disseram que oito pacientes se encontravam em condições graves, um a menos do que no domingo, e reportaram uma morte causada pela doença.

Megavacinaçao continua

Piauí vacina 55%

Painel Coronavírus

Vacinados *
• 913,86 milhões no mundo (11,6% da população com a primeira dose)
• 7,69 bilhões de doses distribuídas (97,96% da população — cumulativo, incluindo doses de reforço e estoques)
• 157,9 milhões no Brasil (74,03% da população)*
* dados globais aproximados

Segunda dose **
• 3,28 bilhões no mundo (41,62% da população)
• 124,54 milhões de brasileiros (58,39% da população)
** dado global aproximado

Casos confirmados no Brasil
• 22.019.870 – acumulado
• 2.594 – novos infectados
• 21.230.357 – recuperados 
• 176.731 – em acompanhamento 
• 10.478,1 – incidência por grupo de 100 mil habitantes

Mortes confirmadas no Brasil
• 612.782 – óbitos acumulados
• 123 – novas vítimas fatais
• 2,8% – letalidade
• 292,5 – mortalidade por grupo de 100 mil habitantes

Dados globais e nacionais atualizados em 22/11/2021, às 18h30

Fontes: Ministério da Saúde, secretaria estaduais e municipais de saúde, Consórcio Nacional de Imprensa, Organização Munidal de Saúde (OMS) e Universidade Johns Hopkins

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.