Document
PATROCINADORES

Nº 172: repescagem carioca; Batatais e Taquaritinga testadas; a Itália respira

Rio fará repescagem das comorbidades

Por não ter alcançado 35% dos portadores de comorbidades com mais de 18 anos, a cidade do Rio de Janeiro irá convocar novamente esses prioritários no próximo sábado (5). Dos 750.914 moradores nesta situação, só 494.091 apareceram para receber a primeira dose. Também será atendidas pessoas com deficiências.

Butantan testará mais de 120 mil pessoas em duas cidades

As cidades paulistas de Batatais e Taquaritinga, de 63 mil e 58 mil habitantes, respectivamente, sediarão estudos do Instituto Butatan para testes, rastreio e monitoramento da transmissão do novo coronavírus. Batizado de Isolamento Inteligente, o projeto começou no sábado (9) em Batatais, com Taquaritinga aderindo na próxima quinta-feira (3). O Butantan vai fornecer testes rápidos de antígeno e de PCR (imagem em destaque) nas unidades básicas de saúde (UBSs). Os alvos são pacientes sintomáticos e assintomáticos que tiveram contato com pessoas com diagnóstico confirmado de covid-19. As informações serão inseridas na Tainá/Global Health Monitor. Os moradores poderão saber dos resultados consultando o aplicativo. Agentes de saúde vão visitar 2 mil residências em cada cidade para colher informações.

O que MONEY REPORT publicou neste final de semana

Domingo
SP reterá cópia de atestado para evitar furada de fila

Sábado
– Para 72%, terceira onda é inevitável

Pandemia será controlada com 75% de vacinados

O Fantástico deste domingo mostra que a covid deve ser controlada quando 75% da população vacinável do Brasil tiver recebido a segunda dose. Em termos estatísticos, a doença começaria perder a força com 70%. A estimativa foi obtida a partir de um novo estudo do Instituo Butantan na cidade de Serrana, interior de São Paulo, onde foi conduzida uma campanha emergencial e experimental que em pouco tempo atendeu 95% da população.

Saúde envia usinas de oxigênio para Norte e Nordeste

Concentradores entregues em Pernambuco

O Ministério da Saúde enviará 5,1 mil concentradores de oxigênio para auxiliar as unidades de saúde com pacientes internados com covid-19 no Norte e Nordeste. Pernambuco receberá 148 aparelhos até 10 de junho.

Mortes despencam na Itália

Um dos epicentros da pandemia na Europa, na Itália surgiram razões para algum alívio. Foram registradas 44 mortes relacionadas ao coronavírus neste domingo (30). No sábado (29), foram 83 vítimas fatais e, no domingo anterior, 72. É o menor registro desde outubro. Os casos caíram de 3.351 para 2.949 de um dia para o outro e os internados em unidades intensivas, foram de 1.095 para 1.061, informaram as autoridades de Saúde. A Itália registrou 4,21 milhões de casos e 126.046 óbitos desde fevereiro do ano passado. É o segundo maior número de mortos na Europa, depois da Grã-Bretanha, e o sétimo do mundo.

Terceira onda britânica

Apesar do sucesso da sua campanha de vacinação, que já atendeu completamente 36,7% dos 67 milhões de habitantes, o Reino Unido pode estar diante de uma terceira onda de contágio, alertam pesquisadores. Eles contestam a suspensão das medidas restritivas previstas para as próximas três semanas e afirmam que um novo aumento das internações pode afetar a capacidade do Sistema Nacional de Saúde (NHS, na sigla em inglês) de atender o restante da população, que adiou tratamentos e cirurgias por causa da pandemia.

Painel Coronavírus

Vacinados
• 1,87 bilhão no mundo (24,89% da população)
• 66,93 milhões no Brasil (31,68% da população)

Segunda dose
• 454,6 milhões no mundo (5,4% da população) *
• 21,65 milhões de brasileiros (10,3% da população)
* dados arredondados

Quando será a minha vez?
Não há dia certo, porém no link da plataforma “Quando vou ser vacinado” é possível obter uma estimativa. Como os dados são atualizados quase todos os dias, as expectativas mudam de acordo com a quantidade de doses aplicadas, grupos atendidos, faixas etárias e estado. Confira.

Leitos de UTI
• 85% * de ocupação total em 15 estados brasileiros e o DF
* Não há uma contagem sistemática e centralizada dos leitos de UTI disponíveis nas redes pública e privada do país. O levantamento de MR é baseado nas informações veiculadas na imprensa

Casos confirmados no Brasil
• 16.515.120 – acumulado
• 43.520 – novos infectados
• 14.912.744 – recuperados
• 1.140.445– em acompanhamento
• 7858,8 – incidência por grupo de 100 mil habitantes

Mortes confirmadas no Brasil
• 461.931 – óbitos acumulados
• 874 – novas vítimas fatais
• 2,8% – letalidade
• 219,8 – mortalidade por grupo de 100 mil habitantes

Dados atualizados em 30/05/21 – 19h

Fontes: Ministério da Saúde, consórcio de veículos de imprensa, Universidade Johns Hopkins (EUA) e Fiocruz

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.